Me visitam

novembro 06, 2012

De todas essas coisas que acontecem todos os dias eu tiro apenas uma conclusão, eu gosto muito do que eu sou, eu não queria ser mais bonita, nem mais inteligente, não queria ser mais interessante, nem mais charmosa do que eu sou, eu assumo minhas impossibilidades, todos os limites que tenho em relação a vida e aos padrões que o mundo cria, mas eu queria que houvesse Deus, que existindo Deus, houvesse amor e um destino traçado por ele, eu queria que tivesse alguém feito na medida certa pra mim, ou então não precisava de tudo isso, poderia ser que assumindo meus defeitos, convivendo com eles eu tivesse o direito de ser amada apesar de.


"Tudo que eu precisava era o sol quente da manhã seguinte que não viria, aquecendo minha cabeça confusa. Cobri o rosto com as mãos e comecei a chorar."

Um comentário:

Borderline Transtorno de Personalidade disse...

Olá, como vai? Venho procurando blogs legais para conhecer pessoas novas e encontrei o seu. Também tenho um, é sobre o Transtorno de Personalidade Borderline, que no caso de você se interessar, está a disposição. Força e fé. Um grande abraço!