Me visitam

maio 16, 2010

Ser feliz


Pergunte às pessoas o que querem da vida, a resposta é simples - ser feliz. Talvez seja essa expectativa querer ser feliz que nos impede de sermos felizes. Talvez quanto mais tentamos ficar em estado de alegria, mais confusos ficamos - até não nos reconhecermos mais. Ao invés disso, continuamos sorrindo, tentando ser as pessoas felizes que queríamos ser. Até que cai a ficha, sempre esteve lá não em nossos sonhos e esperanças, mas no conhecido, o confortável, o familiar.




Eu fujo as vezes e quero me manter afastada, preciso de tempo porque nem sempre é fácil seguir em frente, quando não se vê muita coisa lá na frente ao que buscar, eu fujo porque as pessoas nem sempre estão dispostas a prestar atenção no silencio das outras e ver que há um pedido de ajuda por trás de caras amarradas e telefones desligados.

4 comentários:

Paulo Tamburro disse...

PAULUKA,

sobre o meu silêncio eu nem gosto que o discutam ,pois se você não consegue entender o meu silêncio de nada irá adiantaram as palavras, pois, é no silêncio das minhas palavras que estão todos os meus maiores sentimentos, como diria Oscar Wilde.

E também,Pauluka, confesso que nunca fui de refugiar-me em colo alheio, pois nunca tive dúvida que o nosso inferno são, realmente os outros.

E quando são os outros?

Nosso inferno são os outros, quando não sabemos diferenciar amigos de conhecidos, aproveitadores de amizades que vem para juntar, amalgamar construir, fazer de dois um só e caminhar junto com respeito mútuo.

Eu já aprendi bastante para não cometer estes pequenos pecados.

Quantos aos grandes pecados, destes sim, ainda não me libertei e até confesso que...até gosto!

Um abração carioca.

Vanessa Souza Moraes disse...

Eu quero mais que ser feliz...

Belas palavras, moça. Seu blog é sempre uma esperiência esteta.

Vanessa Souza Moraes disse...

E aquela foto do House já vale sempre a vinda, hahaha.

Leo disse...

Oi Liana!

olha, eu não sei se você gosta ou não, é que te indiquei no meu blogue pra um selo, mas já digo que nem precisa levá-lo nem nada que não queira, apenas fica registrado o carinho. :)

Um Beijo!